Consumidores irrigantes, aquicultores e demais rurais  estão sendo convocados pela Coelba para fazer o recadastramento da tarifa subsidiada. Por determinação da Resolução Nº 800, da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), os clientes classificados nessas categorias de consumo precisam revalidar a documentação para não perder descontos na conta de energia, que variam de 8% a 90%.

O percentual de subsídio depende da atividade desenvolvida. Até dezembro, mais de 82 mil devem apresentar a comprovação exigida pela Aneel. Caso não efetuem o recadastramento, os consumidores atualmente beneficiados perdem o subsídio a partir de janeiro de 2020.

O público está sendo convocado por meio de avisos nas faturas mensais de energia elétrica. No total, aproximadamente 246 mil baianos devem revalidar os dados cadastrais até 2021.

Fonte: Bahia.ba

Comente via Facebook!