Duas ocorrências distintas movimentaram o plantão da Delegacia de Barreiras neste sábado (18) durante fiscalização da Polícia Rodoviária Federal nas Brs 020 e 242, trechos dos municípios de Luís Eduardo Magalhães e Barreiras, na Bahia.

A primeira ocorrência foi registrada às 07h00 da manhã no Km 800 da BR 242, quando os policiais deram ordem de parada a um veículo HYUNDAI/H20, com 02 ocupantes.

Foram solicitados os documentos do veículo, do condutor e do passageiro, quando em uma verificação minuciosa do Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV), a equipe identificou indícios de falsificação. Após pesquisa no sistema de dados, constatou-se que o CRLV pertence a lote extraviado de órgão de trânsito.

Durante a fiscalização no automóvel, foram encontradas também indícios de adulterações nos elementos identificadores, o que levou a equipe a aprofundar a verificação no H20. Com técnicas de identificação veicular, os PRFs perceberam elementos que indicavam outro veículo, da mesma marca e modelo, porém o carro estava com placas trocadas, para tentar ‘burlar’ fiscalizações da polícia.

Após inspeção detalhada e consulta ao sistema da polícia, os agentes federais observaram se tratar na realidade de um HYUNDAI/H20, com registro de roubo ocorrido no ano de 2016, em Brasília (DF).

Já por volta das 15h30 outra equipe da PRF abordou um veículo FIAT/Strada Freedom no Km 206 da BR 020, trecho de Luís Eduardo Magalhães, com 02 ocupantes.

Foram solicitados os documentos do veículo, do motorista e do passageiro. Durante a entrevista, os agentes federais desconfiaram das respostas controversas do passageiro, um homem de 45 anos. Ele também não forneceu os documentos pessoais.

Em consulta ao banco de dados e sistemas policiais utilizados pela PRF, foi constatado que o carona, possuía em seu desfavor um mandado de prisão em aberto decorrente de processo pelo crime de homicídio qualificado, delito previsto no art. 121 do Código Penal.

As duas ocorrências foram apresentadas à autoridade de plantão da Delegacia de Polícia Judiciária local, para formalização dos procedimentos cabíveis.

Reforço no efetivo

A Polícia Rodoviária Federal na Bahia já conta com mais 37 novos servidores para trabalhar nas rodovias federais do estado. Eles já estão reforçando o efetivo nas delegacias de Seabra e Barreiras com foco em ações preventivas para redução de acidentes e combate às ações criminosas. Os policiais são oriundos do Concurso-2018 e concluíram com sucesso todas as etapas do certame que incluíam provas de conhecimento, exames médico e físico, investigação social e curso de formação profissional realizado na UNIPRF, em Florianópolis (SC).

Os policiais já estão desempenhando atividades ordinárias nas Delegacias. Por um período, serão supervisionados por PRFs experientes, que auxiliarão os iniciantes nas fiscalizações preventivas para redução de acidentes no trânsito e policiamento ostensivo de combate ao crime, entre outras ações de segurança e cidadania.

Eles também já estão inseridos no planejamento especial da nona edição da Operação Rodovida 2019/2020, que integra esforços de vários órgãos públicos da União, Estados e Municípios com o intuito de somar forças no enfrentamento à violência no trânsito e na redução dos custos sociais decorrentes.

Durante o período da operação que prossegue até 1º de março de 2020, a PRF intensificará as ações de fiscalização, focadas principalmente os relacionados as condutas de ultrapassagens proibidas, à embriaguez ao volante, ao não uso do cinto de segurança e demais dispositivos de retenção obrigatórios, ao uso do celular ao volante, ao transporte de carga e trânsito irregular de motocicletas e ciclomotores.

Fonte: ASCOM PRF

Comente via Facebook!