O combate às drogas, inclui também ações de prevenção e formação de agentes multiplicadores. É com esta filosofia que o PROERD se implantou no Brasil e tem sido disseminado em várias escolas, com o intuito de combater as drogas através da informação e da formação de crianças, jovens e adolescentes. Em Guanambi, o projeto já se estende por diversas escolas, promovendo reflexões e orientações para direcionar os alunos para outros caminhos que não o dos entorpecentes cujo final nunca é feliz. O 17º Batalhão da Polícia Militar de Guanambi (17º BPM) realizou na manhã desta terça-feira, dia 10, a cerimônia de formatura do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd), no bairro Brasília, na quadra Poliesportiva. Desenvolvido pelo 17º BPM em parceria com a secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de Guanambi, o programa contemplou estudantes de várias unidades escolares, reunido esforço cooperativo estabelecido entre a polícia, escolas e a família. A Prefeitura Municipal de Guanambi celebrou a formatura do PROERD em Guanambi.

De acordo com o tenente coronel Arthur Mascarenhas Fernandes, o programa é importante pelo fato de trabalhar com a prevenção e conscientização das crianças sobre os malefícios das drogas. “Esse ano o programa completa 16 anos na Bahia, já aqui em Guanambi são 1.580 jovens beneficiados com o curso de formação do Proerd”, disse Mascarenhas.

O Proerd foi criado pela Professora Rutty Hellen em conjunto com o Departamento de Polícia da cidade de Los Angeles, Estados Unidos, em 1983. Atualmente, o Programa está presente nos 50 estados americanos, e em 58 países.

No Brasil, ele chegou em 1992 através da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, sendo que desde 2002 se encontra em todos os Estados brasileiros.

A parceria entre Polícia Militar e a Prefeitura Municipal de Guanambi, tem garantido todo suporte necessário para o andamento do programa. No ano passado foram 730 alunos beneficiados pelo programa, hoje 830 estudantes recebendo certificados de formação do curso do Proerd.

“O que aconteceu aqui hoje, demonstra nosso compromisso com os nossos jovens, mas também inspira a rede municipal de Guanambi a inserir no planejamento, o debate sobre as drogas”, afirmou a secretária de educação.

Fonte: ASCOM – Prefeitura de Guanambi